CAMPO DOS GUAICURUS

CAMPO DOS GUAICURUS

sábado, 7 de abril de 2012

CARTAS DE INÊS SEMPRE VIVA 07.04.2012 - PASTORA "GANHA" CASA DE FIEL IDOSA... BAHHHH!! É P/ "ACABAHHHH!!"

REFERÊNCIA: sempre-vivaxavantina.vilabol.uol.com.br

Recentemente, li em um jornal de Campo Grande matéria policial, dizendo de uma pastora que "ganhou" de uma fiel uma casa aqui perto de onde moro. Dante, é uma "big" casa, em lugar nobilíssimo, com valor de aproximadamente meio milhão de reais. A pastora saiu de um bairro pobre e veio parar em um bairro nobre... Agora, a família da fiel, uma senhora de 80 anos, quer o imóvel de volta. Será que a casa faz parte do acerto de contas com Deus... Voltamos ao tempo das indulgências, só que de uma maneira bem mais mesquinha: antes primordialmente eram os nobres que compravam seu espaço no céu. Hoje qualquer pessoa, em troco de 10% do salário de miséria que recebe, pode adquirir seu terreninho celestial.



Bem, esse é um assunto que me causa bastante indignação. Escreverei mais em outra ocasião.


Abraços,

Inês Sempreviva.



2 comentários:

Jarbas NoSlaveNoLandlord disse...

É porisso que acredito cada vez mais em Deus e acredito cada vez menos nos auto-nomeados intermediários de um falsodeusinventado.

No meu entender, é blasfêmia e ingratidão pedir algo a Deus, que já nos deu tudo. Ou cem bilhões de neurônios é pouca coisa?

Mas nada contra esses caros intermediários (o adjetivo significando preços extorsivos). Afinal, nossos bilhões de neurônios precisam de refrescos eventuais. E nada melhor do que esse Circo, que só perde em popularidade para o sinistro Circo Hollywood (e baratas imitações chanchado-televisivas), o mais poderoso doutrinador, que quer convencer a todos de que Felicidade é matar, ou explodir, ou esfolar, ou dominar, ou humilhar, ou sujar algum outro ser humano. Ou algum outro grupo de seres humanos, designados como "o Mal".

Dante Sempiterno - ( dantesempiterno@hotmail.com ) disse...

ARRASADOR, meu caro Jarbas. Lá e cá. Caramba, espero que venhas com maior frequência; pois o aço que trazes é o fogo que cura; abraço, caríssimo!!!