CAMPO DOS GUAICURUS

CAMPO DOS GUAICURUS

domingo, 28 de fevereiro de 2010

A ARTE É ERRO

1 - FONTE: cosmopolis.ch
2 - FONTE: worldgallery.co.uk

3 - FONTE: myfreewallpapers.net


4 - FONTE: labiosdesilencio.wordpress.com



5 - FONTE: demostenestorres.blogspot.com

O que nos causa a arte? Fazer essa pergunta pode suscitar nos tolos a tolice, pois chamará arte o que críticos "revolucionários", esnobes, geralmente, mas com a costumeira tirania disfarçada de movimento revolucionário, autorizam chamar arte... Arte é tudo, tudo é arte, dizem, alegres, aqueles que usam sapatos bicolores apenas porque são bicolores... A arte causa erro, e se 99% de fracasso é o resultado chamado sucesso, melhor, Glória, gosto da arte, porque é caos e erro, mas sob seguro de vida... Posso, ainda, fugir da patrulha mental e proclamar gênios os produtores do Erudito e jogar-lhes beijos... Naquele pequeno mundo novelístico de compadrezinhos, tios e sobrinhas e sobrinhozinhos, o que não se vê é que a arte é irreverência e inquietude, é um estado revolucionário seguro; e para alguns não o foi... Muitos heróis, quase Sartre, e certo tantos outros, perderam a cabeça pela arte... Mas é louco... Não precisa da droga da droga, a arte é "viagem" garantida... Só precisa começar antes, começar cedo. Um professor aposentado da UFMS, disse quase tudo sobre... É, está em uma blogada abaixo... A arte é comércio, é capital, mas... Bem, vamos lá... E que é o macaco para o homem? No sentido zarastustriano, uma vergonha... Imitar, pura e simplesmente? Tem uma cadela que compreende mais de trezentas palavras... Que é o macaco para o homem? Uma vergonha... E talvez, no novo mundo... rssss... Não! Viva o Urco!

1 - Olhe o olhar do homem de vermelho... sinta medo... sinta coragem... sinta... Poderia ser uma criança prodígio que desenhou... É um prodígio... olhe...olhe...olhe...olhe o olhar... Não foi uma criança... Crianças conseguem cantar Galopeira, imitar tenores, mas jamais em 10 mil anos criaram algo assim... olhe, olhe, olhe, olhe, olhe... Olhe...

2 - Dor, conforto, tudo pronto? Conformidade? Que mundo é o daquele que tem um pensamento tão básico como ter o dinheiro, as condições materiais todas e só...

3 - Não chove, sim, flutua a covardia de desnudar-se da prisão que comanda: "seja", sou não sou sou não sou sou não sou não sou sou sou não sou sou o que? Quem é você? perguntaram a Deus um dia, e ele disse: eu sou... Pois é seu fardo... Nós podemos não ser, essa é nossa liberdade? Não?

4 - Deus do Céu! O que é amor? Beijar covardemente uma amante? Ou ser implacável na busca verdadeira... Quem sabe, amar essa amante... Mas, que é amar, que é amante, que é diamante, que é o escuro, que é a claridade, que é a covardia e coragem... Arte!

5 - Toda nudez será castigada... Arte, não faça arte, que coisa menino! (R. Russo, a última frase).

Nenhum comentário: