CAMPO DOS GUAICURUS

CAMPO DOS GUAICURUS

segunda-feira, 3 de março de 2008

Nada resiste ao trabalho da união


Me convenço cada vez mais de que que temos que viver em um estado de constante crítica e mutação quanto às escolhas em geral. Muito rápido acontecem as mudanças, sobre tudo. Nada escapa às mudanças nesses dias nos quais a informação se encontra cada vez mais "à mão". Alguns inteligentes garotos me deram a honra de poder a eles passar algumas informações culturais, e com esses jovens mosqueteiros empreender tarefa artística e aventura no ramo de vendas e prestação de serviços. Não tenho dúvida alguma quanto à capacidade deles; sei que, quanto à inteligência, à habilidade com que terão que lidar com os elementos que lhes serão dados, não haverá problema algum. Com o que me preocupo é a disposição que terão que ter, e a lealdade. Não porque neles não veja honestidade e boa vontade, e sim porque sei que o tempo leva ao tédio nessas matérias, e o tédio é o inimigo do sucesso coletivo. E não quero que apenas um se consagre, quero que todos alcancem seus sonhos, que tornem-se esses jovens grandes homens e mulheres. O mais importante, para tudo isso, é que eu consiga fazer com que se sintam famintos e sedentos de saber, e que saibam, precisamente, a importância do "um por todos e todos por um"...

Nenhum comentário: